INBOUND MARKETING E OUTBOUND MARKETING – O QUE É ISSO?


Você certamente já ouviu falar de INBOUND MARKETING e OUTBOUND MARKETING. Mas, afinal, o que esses termos significam e qual é a importância de entendê-los?

Dentro do marketing de empresa existem duas formas diferentes de trabalhar as estratégias, elas são o inbound e outbound marketing. De maneira simples, enquanto por um lado o inbound marketing busca despertar o interesse do cliente com conteúdo relevante para que ele chegue ao seu produto, por outro lado, o outbound marketing é mais tradicional, com o uso de propagandas físicas e digitais da forma como já conhecemos e estamos habituados. Mas, vamos entender melhor como isso funciona a seguir!


O inbound marketing, ou “marketing de atração”, é um conceito que está sendo cada vez mais discutido e falado no mercado brasileiro. Mesmo com ar de novidade, muitas empresas já vêm implementando a metodologia como uma estratégia para vencer a crise e se diferenciar do marketing tradicional no mercado, seja ele de qual segmento for. E será que vale a pena você também trocar a estratégia do seu negócio para inbound marketing? Vamos ver!Parte superior do formulárioParte inferior do formulário.


O principal objetivo do Inbound Marketing é atrair e fidelizar clientes. Ou seja, a ideia principal não é ir atrás do cliente, e sim despertar o interesse dele, através de conteúdos de qualidade, para que ele venha até você e se interesse pelo que a sua empresa oferece. Por isso, é preciso entender bem quem é esse público: quais são seus interesses, dúvidas e desafios, para então oferecer justamente o que sua empresa oferece: serviços e materiais/conteúdos que o ajude a resolver os problemas que tem. O conceito que baseia o inbound marketing é o funil de vendas, em que acontece a captura dos novos clientes, que chamamos de leads. Assim, o objetivo da sua empresa é guiar o público até chegar ao fundo do funil e virar efetivamente um cliente.


O outbound Marketing, ou “marketing tradicional”, por sua vez tem como principal objetivo trazer clientes oferecendo serviços ou produtos da maneira como já estamos habituados no mercado. A ideia dessa estratégia é ir atrás do cliente ativamente e não necessariamente gerar o interesse genuíno desse possível cliente na sua empresa (esse processo é também conhecido como prospecção ativa). O outbound marketing está presente nos meios digitais e também nos não digitais, entre eles: propagandas no rádio, TV, jornais, revistas, mala direta, cartazes, patrocínio de eventos, banners, emails em massa e “pop-ups”.


Agora que já entendemos o que é inbound e outbound marketing, podemos nos questionar sobre como mesclar ambas as estratégias, afinal, é muito normal adotar as duas metodologias em uma empresa uma vez que uma não anula a outra. O que garantirá a assertividade na hora de mesclar o inbound e o outbound marketing é a análise, além dos investimentos disponíveis, dos seguintes pontos:


· O perfil do cliente (persona);

· A jornada de compra dessa persona;

· O ticket médio da empresa;

· O funcionamento interno dos times de Marketing e Vendas;

· O modelo de gestão da organização;


Na Qualitas, fazemos uso de ambas metodologias! Nosso time do Comercial se encarrega da prospecção ativa, entrando em contato com eventuais novos clientes, enquanto nosso time de Marketing trabalha para produzir os melhores conteúdos!


Agradecemos sua leitura e esperamos que aproveite essas estratégias da melhor forma. Agora é hora de colocar a mão na massa! Nos vemos em breve para falar sobre outro conceito importantíssimo no marketing, o funil de vendas, até mais!

6 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo