Finanças Descentralizadas. O que são? Quais são as vantagens?


O que são Finanças Descentralizadas? Finanças descentralizadas (DeFi) são contratos digitais programáveis, ou smart contracts, que realizam negócios de valores sem intervenção humana. Vantagens desse sistema:

A grande vantagem da descentralização em finanças é eliminar entidades centralizadoras, tanto no aspecto operacional, quanto na custódia dos valores. No sistema financeiro tradicional, mesmo que os usuários coordenem empréstimos através de cooperativas, existe uma pessoa, ou mecanismo, com o controle dos valores, taxas de empréstimo, entre outros. Portanto, as finanças descentralizadas (DeFi) permitem que seus usuários realizem transações de valores através de contratos digitais programáveis, sem a possibilidade de intervenção ou censura por terceiros. Tudo fica registrado em um blockchain público, em banco de dados distribuído, sem risco de manipulação.



Dentre as vantagens:

  1. Queda sensível nas potenciais brechas, pois, a própria rede blockchain se encarrega de garantir o funcionamento do sistema - tornando a aplicação transparente e auditável, a todo instante.

  2. Custo menor de manutenção, por não existirem instalações físicas, funcionários, departamento jurídico ou similares. A única taxa paga é das transações que ocorrem no blockchain, que varia de acordo com a rede utilizada na aplicação descentralizada.

  3. Permitem também que os usuários participem das decisões de cada aplicação, por exemplo, se algum novo criptoativo pode ser aceito de colateral (garantia) nos empréstimos.

  4. Por fim, em alguns casos , quando há uma cobrança de taxa dos usuários, ou ganhos obtidos na execução de ordens, o lucro pode ser distribuído entre os detentores destes tokens, como se fossem acionistas do projeto.




2 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo